Esta tradução é mais antiga do que a página original e poderá estar desatualizada. Veja o que foi alterado.

Traduções para esta página:

Ted Trainer

Este wiki nasce o 21 de dezembro de 2016 (solstício de Verão em Nova Gales do Sul) com o intuito de apresentar a figura e obra de Frederick (Ted) Trainer às personas falantes de línguas da Península Ibérica. É uma iniciativa da Associação Touda e do Instituto Resiliencia. Colaboram em labores de tradução: Ariadna Villate, Miquel Tort (Argelaguer en Transició) e Ramóm Flores d'as Seixas (Véspera de Nada).

Ted TrainerFrederick E. Ted Trainer (1941) é um activista e autor australiano reconhecido internacionalmente no âmbito da divulgação do Teito do petróleo e entre os movimentos a favor de uma Transição a um mundo post-petróleo. Foi professor na Universidade de Nova Gales do Sul (Sidney) desde a década de 1970 na disciplina de Trabalho Social. Ademais de xerir um espaço para a prática da permacultura e da vida simples com fins divulgadores nas proximidades de Sidney, é um dos principais referentes do Simplicity Institute australiano.

Autor de numerosos artigos académicos, e de mais de uma dezena de livros, foca-se especialmente sobre a sustentabilidade da sociedade. Uma das suas obras mais conhecidas e referenciadas até agora é Renewable energy cannot sustain a consumer society, publicada por Springer em 2007. Sob a denominación de The Simpler Way (a Via da Simplicidade) tem desenvolvido uma das propostas mais completas de transição ecosocial, detalhada no livro The Transition to a Sustainable and Just World (2010), que em 2017 conhece uma edição em castelhano, revista e alargada para a ocasião pelo próprio autor, sob o título La Via de la Simplicidad: Hacia un mundo sostenible y justo. Esta é, sem dúvida, a obra mais importante da sua carreira e a de maior transcendência para o futuro da Humanidade.

  • Desenvolvido para a morte: repensando o desenvolvimento do terceiro mundo (Editora Gaia, 1991)

Acerca de "Desenvolvido para a morte"

Neste livro Ted Trainer questiona a costumeira associação entre desenvolvimento e crescimento econômico, interroga-se sobre o preço a pagar por atingir essa meta, e sobre que partes da sociedade são favorecidas. Trás analisar brilhantemente o conceito de desenvolvimento e contestar as questões anteriores propõe um novo alvo: o desenvolvimento para a vida, mas a vida de todas as pessoas.

(De máis recente a máis antigo.)

“Um mestre cuja mensagem levaremos connosco cada vez que vamos cultivar a nossa horta, cada vez que pensemos na educação que damos às nossas crianças, cada vez que sintamos nojo do que nos rodeia. Ainda que na actualidade o eco da sua mensagem quase não se escute fora de verdadeiros círculos activistas internacionais —principalmente de países de língua inglesa—, estou convencido de que as suas ideias tornaram-se numa semente que há frutificar em muitos lugares.” (Manuel Casal Lodeiro)

(Os livros, artigos, etc. publicados noutras línguas estão referenciados nas páginas dedicadas a esses idiomas e não se incluem nesta.)